Connect with us

Hi, what are you looking for?

Guia de Armas

Splattershot:

Todas são boas slayers (exceção da kensa splattershot já foi tratada, ter outro membro do time com um especial agressivo em um time com a kensa splatteshot pode ser uma boa ideia).

Sploosh-o-matic:

Tem um bom kit para slayer e foca na mobilidade da arma, porém, a neo sploosh não tem o suficiente para suprir a necessidade de agressão do time.

Splattershot Jr:

Todas são boas de suporte mas tenha em mente que a falta de range e potencial de kill pode causar algumas limitações no time.

Splash-o-matic:

Basicamente o mesmo que as splattershots, sendo que a neo consegue manter a agressividade e também servir como suporte, tendo um kit muito bom para splat zones.

Aerospray:

Apesar de entrar na categoria de suporte, também tem os problemas de potencial de kill e range da Jr com kits piores. A versão sheldon picks tem a burst bomb que ajuda no potencial de kill e range mas a arma ainda é muito limitada e focada no booyah bomb.

.52 gal:

Arma com ótimo potencial de kill porém inconsistente. O kits não são os melhores para slayers nem para suportes, porém booyah e sting ray são especiais muito bons e podem encaixar em um time que necessita desses especiais. Mesmo assim, não é uma opção convencional.

N-Zap:

Todas com bons kits para suporte, com foco em pintar o mapa, incomodar o oponente com as bombas e carregar especial. Também possuem um potencial de kill decente para uma arma de suporte sendo o range a maior limitação da arma.

Splattershot Pro:

Outra boa opção para suporte que troca a habilidade de pintar o mapa pela range. É uma arma com ótimo potencial de kill com o gear correto(MPU), porém não possui a mobilidade ideal para um slayer. Para um suporte, essa é uma arma que não joga tão bem em time, visto que a precisão da arma não é tão boa para fazer assists e demora muito / gasta muita tinta pra pintar e tomar controle do território. .96 gal:

Uma opção decente como suporte especialmente pelo armor. Compartilha desvantagens da splattershot pro e não é muito consistente nos tiros. A .96 gal deco tem um kit que mistura todas as posições do jogo e definitivamente não é viável para o competitivo.

Jet Squelcher:

Ambas possuem um bom kit para backliners, são ofuscadas pelos outros backliners em potencial de kill e pelas splatlings em pintar o território.

Luna Blaster:

A kensa Luna provavelmente tem o melhor kit para slayer, sendo a Luna convencional também uma boa opção com o baller. Luna Neo sofre de ter que escolher entre posicionar as minas defensivamente e agressivar, além de precisar estar próxima do objetivo pra fazer o melhor uso do especial.

Blaster:

Apesar de não terem tanto espaço no meta atual e a mobilidade ser limitada pelo tiro lento da arma, seus kits são ambos boas ideais para slayers.

Range Blaster:

Mesmo tendo um potencial de kill alto (considerando directs), cai mais na categoria de suporte pois a arma não tem nem de perto a mobilidade de slayers e especialmente pois sem directs ela não ganha 1×1 em situações de close combat. Seus kits variam entre Slayer e Suporte mas também é uma arma que não encaixa tanto no meta atual por não ter boa vantagem contra as armas mais utilizadas.

Clash blaster:

Forçadas pela range a ser frontliners porém com especiais de backliners faz a arma ser pouco efetiva.

Rapid Blaster:

Ambas armas para suporte com algumas limitações devido à necessidade de acertar directs ou manter o oponente em um range específico. Não possuem muitos resultados em competições de alto nível com exceção da Kensa Rapid, muito atribuído ao torpedo, que não faz parte de muitos kits.

Rapid Blaster Pro:

uma versão mais defensiva da Rapid Blaster. Não fazem bem o papel de backliner apesar do range extra por perder dos principais backliners do jogo, também não tem representatividade no competitivo.

L-3 Nozzlenose:

Uma arma que pinta bem porém com kits bem agressivos. Exige um set de MPU para ter potencial de kill de outros slayers mas não é tão consistente contra oponentes rápidos.

H-3 Nozzlenose:

Especialmente a H-3 Nozzlenose D age como uma nzap com mais potencial de kill e range, porém, perde um pouco a capacidade de pintar, o alto custo do armor também impede que a arma seja tão útil pois geralmente ela não consegue carregar armor à tempo de iniciar a push. Squeezer:

Sendo um caso muito isolado em que, em diferentes momentos a arma pode servir como qualquer uma das posições. Sting Ray e ink Wall forçam que ela faça um papel de backliner, porém perdendo para os outros backliners. Mais comum ser jogada com splat bomb e bubble blower podendo ser um suporte com bom potencial defensivo com a range e bom potencial agressivo com o especial.

Carbon Roller:

Bom kill power e mobilidade forçam um jogo agressivo de slayer, um pouco inconsistente nas kills.

Splat Roller:

Uma versão melhor de roller slayer com mais range e kill power, mobilidade do carbon pode ser compensada com a curling bomb e o kit de bubble blower + splat bomb com object shredder faz uma ótima opção agressiva como o squeezer, com a diferença que a arma segue sendo agressiva mesmo sem o especial. A versão Krak-On é meio situacional para quando o suporte do time é o suficiente para cobrir a necessidade de sub do slayer e nem sempre beakons são tão vantajosos.

Dynamo Roller:

Apesar do range do tiro vertical, funcionam como suporte, pintando e pressionando uma grande área com o tiro horizontal, o kit do dynamo roller força um jogo muito defensivo limitando ele em posições próximas de âncora enquanto que os outros kits permitem mais avanço buscando pintar a área do oponente e pressionar com bombas pra carregar o armor / booyah.

Fligza Roller:

Ink Wall força um jogo muito parado que não combina com o roller. A falta de mobilidade e potencial de kill, e o range forçam a arma na categoria de suporte, pois ela não tem o necessário pra backline ou frontline, porém existem opções melhores para suporte.

Inkbrush:

Apesar do range forçar a arma na categoria de slayer, a falta de potencial de kill e a mobilidade imbatível permite que ela seja jogada de uma forma única, sendo uma distração pro time oponente possibilita que a arma seja também um suporte, porém, sem as qualidades defensivas de um suporte.

Octobrush:

Com um pouco mais de range e menos mobilidade é forçada como Slayer sendo melhores pra isso a versão convencional e a Kensa.

Squiffer:

Necessita muita precisão pra poder ser considerada uma arma slayer, os kits e a mobilidade também não contribuem, a arma como suporte tem um kit mais defensivo e outro mais ofensivo, mas continua tendo o problema de exigir muita precisão pra pegar kills e uma capacidade de pintar não ideal para suporte.

Splat Charger:

Os dois kits originais são ideais para backliner, sendo cada um ideal para diferentes mapas e modos enquanto que o kensa é uma versão de charger que entra em desvantagem após usar seu especial. Para todos os chargers, a versão sem scope exige um jogo mais agressivo para se aproveitar da mecânica de hold que não combina com backliner, sendo preferível a versão scoped na maioria das situações. E-liter 4K:

Uma versão mais fixa de charger, seu tempo de carregar torna a arma mais limitada e os especiais mais úteis (principalmente sting ray) fazem com que o splat charger seja mais viável em boa parte das situações.

Bamboozler:

Em uma situação parecida com o squiffer, porém, com um kit de MPU a arma consegue se destacar oferecendo uma pressão de longa distância com uma mobilidade decente com os kits de curling bomb e fizzy bomb. A pressão de longa distância permite que a arma seja quase um backline enquanto faz um papel de suporte fazendo pressão com a fizzy bomb e bubble blower. A falta de uma função específica pode deixar buracos na defesa do time.

Goo Tuber:

Entra na mesma categoria mas não tem tantas qualidades de suporte, sendo um slayer que exige precisão de mais e entra em desvantagem ao errar um tiro.

Slosher:

Híbrido de suporte e slayer, seu maior problema como slayer é a falta de um kit que ajude na pressão e na mobilidade, geralmente usado na variação Deco ou soda com um kit mais suporte agressivo do que slayer midline.

Tri-Slosher:

Slayer com short range,kill rápido e boa mobilidade porém com especiais mais voltados a suporte.

Sloshing Machine:

Excelente capacidade de assist com range decente e kits que batem com a função de suporte. O fato de stingray ser melhor para backline é quase deixado de lado pela extrema utilidade do especial em alguns modos. A variação Kensa permite que a arma seja bem agressiva pelo boost de pressão, range e mobilidade oferecido pela fizzy bomb, que balanceia as limitações do splashdown.

Bloblobber:

A range e os kits fazem da arma um mix de backline e suporte, porém, a natureza gimmick dos projéteis vão um pouco contra a função de âncora, sendo muito inconsistente em áreas não planas e não sendo tão efetivo pra cobrir grande porções do mapa, mesmo tendo range pra atingir os oponentes. Não é uma opção comum como âncora convencional mas funciona em algumas fases e modos.

Explosher:

similar ao Bloblobber com limitações diferentes, faz um papel mais sólido de backline.

Mini Splatling:

tendo uma boa capacidade de pintar e range decente fazem da arma um bom suporte, os kits permitem alguma agressão mas ajudam mais um suporte agressivo do que um frontline de fato. A necessidade de carregar o tiro, mesmo que brevemente, elimina a possibilidade da arma ser um slayer sólido, mas especialmente a variação kensa permite um jogo bem agressivo quando necessário.

Heavy Splatling:

Ótimo range, bons kits e excelente capacidade de pintar fazem dela a definição de Âncora. Hydra Splatling

apesar de ter mais range que a Heavy, os kits fazem com que a Heavy seja um âncora mais sólido.

Ballpoint Splatling:

Uma arma com capacidade de suporte e backline porém com um kit de slayer, que não é a posição onde a arma se sobressai deixando mais espaço pra variação Nouveau. Porém, a demora pro tiro com mais range sair faz com que a Heavy ainda seja uma âncora mais sólida.

Nautilus:

possui kits com subs de suporte mas especiais muito agressivos, tornando difícil que a arma cumpra uma função específica (sai do suporte pra usar especial, e não agressiva o suficiente por causa do sub).

Dapple Dualies:

Seus kits não contribuem com a agressividade que a arma exige devido ao baixo range, mesmo a variação clear possui um bom sub, porém um sub de suporte e um especial agressivo que não cobre as desvantagens da agressão da arma, exigindo o mesmo close range e deixando a arma tão vulnerável quanto ela já é sem o especial. No caso dessa arma é um caso estranho de híbrido pois a arma serve como slayer OU suporte. Quando ela é slayer ela precisa ser full slayer e ir muito pra frente devido ao curto range, e, pelo mesmo motivo, quando ela é suporte ela perde toda a capacidade de agressão.

Splat duallies:

capacidade de kill, range, mobilidade e kits de slayer, exceto pela splat dualies com mísseis.

Glooga Dualies:

A arma precisa manter o range para balancear o fire rate lento e ter um bom potencial de kill, porém seus kits originais não são tão bons de suporte, exceto pela variação Kensa, porém, a baixa capacidade de pintar, juntamente com a necessidade da arma de conseguir kills pra ser útil faz com que o armor só venha depois de conseguir as kills (ou seja, depois da push).

Dualie Squelcher:

Ambos bons kit pra suporte, nada roubado, mas tudo que encaixa na função de suporte.

Dark Tetra Dualies:

Mobilidade, rolls e potencial de kill de slayer, porém os kits fazem com que as dualies normais sejam mais usadas, visto que os 4 rolls não são sempre necessários e os kits agressivos podem ser mais úteis.

Splat Brella:

Além de ser uma arma (e toda a classe, em geral) muito difícil de jogar, é um suporte que joga como slayer. A arma não é slayer, mas ela faz o suporte de forma agressiva e mais próxima do slayer que outros suportes, o que faz com que ela fique em posições desfavoráveis mais facilmente, mesmo assim, faz um suporte único e muito efetivo, além de difícil de contestar pra maioria das armas. Tenta Brella:

Suporte midline sólido, com menos capacidade (e mais desvantagem) agressiva que o brella normal, ainda pode ajudar em pushes e especialmente a protejer o objetivo com o especial, ótimas habilidades de suporte.

Undercover Brella:

Não consegue kill rápido, mas consegue enfraquecer o oponente e manter ele ocupado até chegar um suporte pra finalizar a kill. A arma funciona como slayer por ter que jogar agressivo e próximo dos oponentes porém não consegue kills rapidamente, sendo mais comum na função de suporte com torpedos.

Rating0
Ataque0
Resistencia0
Mobilidade0
Pontuação0
Suporte0

Copyright © 2020 JogaDiacho